Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Norma padrão e norma coloquial

Vamos ler dois textos feitos pelo Victor Galvan, da turma 62. Foi uma das propostas de redação: criar um texto na norma padrão e, depois, reescrevê-lo na norma coloquial. Bom trabalho, Victor!

NORMA PADRÃO

-Olá, chefe, você me chamou?
-Chamei, sim, Edu. Eu tenho um trabalho para você fazer.
-Qual seria o trabalho, chefe?
-Eu vou pedir para você refazer o trabalho do Almir.
-Chefe, sem querer ofender, mas o trabalho dele está ótimo!
-Eu sei, é só para você fazer alguma tarefa...


VARIEDADE INFORMAL

-E aí, maluco, pediu pra eu colá aqui?
-Pedi sim, truta, tenho um trampo aí pro meu chegado.
-Que trampo seria, meu querido?
-Eu vou falar pra você fazer de novo o trabalho do truta ali.
-Mano, você me chamô aqui só pra fazê um trabalho que já tá feito?
-Eu sei, é só para o meu querido trabalhar...

E aí, mano?


2 comentários:

Nay muito linda disse...

Amei os exemplos!!!
ficaram realmente otimos!!!!

Anônimo disse...

muito bom